ACIDENTES NA INFÂNCIA E PRÉ-ADOLESCÊNCIA!

Os acidentes em geral representam a principal causa de mortalidade, no Brasil, do nascimento aos 14 anos. Anualmente cerca de 113 mil crianças são hospitalizadas só na rede pública, e 3,7 mil falecem por causa de acidentes.

As principais causas das 113 mil internações são:

– menores de 1 ano: quedas – trânsito – queimaduras
– de 1 a 4 anos: quedas – trânsito – queimaduras – intoxicação
– de 5 a 9 anos: quedas – trânsito – queimaduras – intoxicação
– de 10 a 14 anos: trânsito – quedas – queimaduras – intoxicação

Percentualmente, de 0 a 14 anos, têm-se a seguinte situação nas internações hospitalares:

46% por quedas – 18% por queimaduras – 11% no trânsito – 3% por intoxicações – 22% por outras causas como, p.ex., afogamento, sufocação, armas de fogo.

As principais causas das cerca de 3,7 mil mortes são:

– 0 ano: sufocação – trânsito – quedas – queimaduras – afogamento
– de 1 a 4 anos: afogamento – trânsito – sufocação – queimaduras – quedas
– de 5 a 9 anos: trânsito – afogamento – queimaduras – quedas – sufocação
– de 10 a 14 anos: trânsito, afogamento, queimaduras – quedas – sufocação

Percentualmente, de 0 a 14 anos, têm-se o seguinte para mortalidade:

35% no trânsito – 25% por afogamento – 22% por sufocação – 6% por queimaduras -5% por quedas – 2% por intoxicação e 5% de outras causas.

 

Gilmar Vitor Moreschi, médico pediatra;
Fontes: www.criançasegura.org.br/dados-de-acidentes/, Ministério da Saúde, Sociedade Brasileira de Pediatria.

 

Veja também